•                

     

Ensino e Aprendizagem

O objetivo da educação escolar é a aquisição do conhecimento pelo aluno, através do processo  de ensino-aprendizagem. 
 
O conhecimento é produto de um processo de interação dinâmica e sistemática entre um observador(sujeito) e a realidade(objeto), onde o questionamento, a investigação  e a análise de evidências levam o observador a realizar descobertas acerca da realidade, chamadas de aprendizagens. Todo conhecimento, por limitação metodológica, consiste numa aproximação em relação à realidade, e como tal, nunca se torna completo e acabado.
 
A interação que gera aprendizagem ocorre num determinado espaço social, num tempo histórico e num contexto cultural, cujas características são fruto do conhecimento, e cuja dinâmica atual, modificam o conhecimento futuro. Os conteúdos escolares incorporam estas mudanças temporais, o portanto, os avanços produzidos pelas diversas ciências, passando por permanente atualização.  Pe. Moreau, em seu tempo, compreendeu perfeitamente essa dinâmica, ao assumir que: “mesmo baseando nossa filosofia na fé, ninguém precisa temer que confinaremos nosso ensino dentro de limites estreitos e não científicos. Aceitaremos as descobertas da ciência sem preconceito, e de forma adaptada às necessidades de nossos tempos...” (Herança e Missão).
 
Na escola, o sujeito central da aprendizagem é o aluno. Mas ele não está sozinho diante da tarefa de realizar a aprendizagem. O processo de aquisição e construção do conhecimento, pelo aluno, na escola é mediado pelo professor. Professor e aluno têm papéis preponderantes. Cabe ao professor, com sua experiência prévia, exercer a liderança pedagógica, propondo ao aluno diversos desafios através de problematizações, investigações, levantamento de hipóteses e sistematizações, levando o aluno a mobilizar diversos tipos de recursos cognitivos, que o levem a progredir nas aprendizagens. Cabe ao aluno o esforço intelectual, a investigação, a explicitação de suas hipóteses e de seu raciocínio, assim como a tomada de consciência de suas maneiras de aprender. Desta forma, a aprendizagem do aluno é um processo reflexivo, de construção de sentidos e significados na sua relação com os objetos do conhecimento, mediado pelo professor.